• ibcentralcascavel

Discípulos de JESUS


ūüďĖ Jo√£o 14.34-35: "Deixem-me dar a voc√™s um novo mandamento: amem uns aos outros. Assim como amei voc√™s, amem uns aos outros. Dessa maneira todos ir√£o reconhecer que voc√™s s√£o meus disc√≠pulos, quando eles virem o amor que voc√™s tem uns pelos outros".

Dentre muitas coisas dif√≠ceis, amar o pr√≥ximo √© uma das mais complexas, a mais simples e a a√ß√£o mais sublime de todas que o ser humano pode ter. Podemos encontrar in√ļmeros vers√≠culos que falam sobre amar. Todo crist√£o sabe que amar √© necess√°rio, o problema mesmo √© cumprir este mandamento do Senhor. Para cumpri-lo √© necess√°rio vencer alguns obst√°culos, como o orgulho, a soberba, a falta de perd√£o, de miseric√≥rdia e compaix√£o, o ci√ļmes, a inseguran√ßa, a melancolia, a procrastina√ß√£o, o perfeccionismo, a ira, o ego√≠smo, o √≥dio, a raiva, a imaturidade e outros...

O cristão sabe também que vencer esses obstáculos pessoais, significa alcançar a maturidade que Cristo aprova. E reconhecer os erros, a imaturidade e a falta de sabedoria no trato com os outros, são evidencias de uma pessoa que, sim, tem dificuldade para amar, mas deseja lutar para amar como Jesus.

Não existem regras. O amor é o vínculo da perfeição e ele nos constrange a amar, até porque nós só amamos, porque ELE nos amou primeiro. E o que tenho aprendido é que não nos resta outra opção a não ser AMAR. Para o verdadeiro cristão, outra ação, seja qual for a área, que não seja baseada no amor verdadeiro, abnegado, incondicional, altruísta que vem de Deus, de nada vale. Assim seremos conhecidos como discípulos de Jesus.

Portanto, amemos uns aos outros como Jesus nos amou.

No amor de Cristo, Pr Paulo Berberth

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo